Estilos de jardim

Saber exatamente o estilo de jardim que mais combina com você é o melhor caminho para iniciar a construção do seu sonho e ter um bom resultado final.

Antes de decidir o estilo de jardim que terá em seu projeto, é preciso se atentar ao clima da região que você mora para não adquirir espécies que não se adaptem a ela. Então, escolha as plantas de acordo com a necessidade de espaço, insolação e o vento que as espécies podem suportar.

Abaixo, confira os estilos de jardins mais usados em nosso nosso país.

Jardim Clássico ou Francês

É um jardim inspirado na Renascença Italiana, com suas grandes obras e a clara intervenção humana.

Possui linhas geométricas com uma perfeita simetria, tem aparência mais rígida, como se tivesse sido construído com régua e compasso.

Os caminhos são largos e muito bem definidos com o uso de pedriscos ou lajes.

Seus arbustos e cercas vivas possuem formas compactas com podas ornamentais realizadas simetricamente.

É considerado um jardim de alta manutenção devido às podas.

Os elementos mais comuns inseridos nesse jardim são os caramanchões, as esculturas, as fontes e os bancos.

As espécies mais usadas são os buxos bola, buxinho cerca viva, camélias, tuias e pinheiros.

Jardim Italiano

É uma mistura do jardim francês com o jardim romântico, sempre atentos à manutenção, tem uma aparência de bem-cuidado.

Usa elementos como fontes, estátuas de época, vasos, treliças, arcos com trepadeiras e bancos antigos.

As espécies inseridas no jardim italiano precisam ser de origem mediterrânea ou de clima temperado, que suportem tanto o calor quanto o frio intenso do inverno.

As espécies mais frequentes são frutíferas, temperos, hortaliças e muitas flores, como azaleias, lavandas, laranjeiras e oliveiras.

Os buxinhos são sempre inseridos em vasos, os viburnos nos canteiros e estão sempre podados.

Jardim Inglês

É um jardim criado como contestação dos jardins francês e italiano, que possuíam uma preocupação muito grande com a perfeição.

Apesar de ser um jardim muito bem planejado, ele tem uma aparência mais descontraída e pretende passar uma impressão de que o homem não passou por ali, dando a sensação de paisagem natural.

Sempre com grandes maciços de plantas e curvas com uma inserção maior de várias espécies de flores, arbustos e temperos, atentos ao crescimento para que não seja tão desordenado.

É considerado um jardim de baixa manutenção, sendo permitido o avanço das plantas umas sobre as outras, sem muita preocupação com a perfeição.

As espécies mais usadas são rosas, bela emília, hortênsias e plantas perenes.

Jardim Japonês

Esse estilo de jardim se caracteriza por transmitir paz e espiritualidade com elementos religiosos e simbólicos, é um jardim cheio de crenças.

Exige uso frequente da água, pedras e plantas.

Na entrada também são plantados o pinheiro, representando o pai, azaleias, simbolizando a mãe, e touceiras de bambu para os filhos. A cerejeira japonesa rosa é a árvore da felicidade.

Lagos com carpas também são muito usuais nesse estilo de jardim. As carpas representam a fertilidade e a prosperidade.

Ponte ou um caminho representam a evolução para um nível superior. Já o bambu representa a proteção e capacidade de mudança.

As pedras das cascatas precisam estar no centro do jardim e são colocadas de forma simbólica, sendo a pedra do pai colocada na posição vertical e a da mãe, na posição horizontal.

As plantas são minuciosamente inseridas no paisagismo e cada espécie tem o seu significado e a sua localização específica.

Jardim Tropical

Esse estilo foi inserido pelo paisagista Roberto Burle Marx e reina pela sensação de não ter sofrido a interferência humana.

Os caminhos sempre possuem contornos naturais. A poda e a simetria são inexistentes nesse estilo.

As espécies usadas são derivadas das regiões tropicais e subtropicais.

As plantas possuem cores vivas e formas esculturais, como palmeiras, bromélias, dracenas, bananeiras, helicônias entre outras.

O uso de pedras, fontes, lagos, bancos, pergolados e vasos são sempre inseridos como se fizessem parte do jardim, da forma mais natural possível.

Jardim Contemporâneo

É um estilo que valoriza o prazer de viver com os seus materiais práticos e confortáveis, com linhas retas e simples.

Piscinas e jacuzzis podem ser utilizadas, e o uso de plantas esculturais também faz parte desse jardim.

Os caminhos são frequentemente feitos de pisos caros e com linhas retas.

Os vasos, jardineiras e as fonte são inseridos quase como sempre como esculturas.

Os materiais nesse estilo são sempre caros, já as plantas são inseridas em menor quantidade dando sempre destaque a uma espécie mais escultural inserida de forma mais natural no espaço.

Jardim Desértico

Este estilo de jardim é mais árido, marcado pelo visual mais rústico.

Faz uso de pedras, areias, cascalhos e pedriscos, sendo caracterizado pelo uso de plantas xerófitas, como os cactos e as suculentas, além do uso de algumas palmeiras e árvores de regiões desérticas.

Possuem um grande benefício, que é economizar água, devido à característica de suas plantas.

Também são inseridas algumas palmeiras e árvores de regiões desérticas.

Adicionalmente, são plantas que não apresentam tendência de atrair pragas e doenças e requerem baixa manutenção.

Esse estilo é mais usado em regiões mais quentes.

Jardim Vertical

É um jardim destinado para paredes e muros que estão sem graça e precisando de uma vida.

É muito usado em ambientes sem muito espaço para trazer o verde para o ambiente.

Existe um leque muito grande de espécies que podem ser usadas nesse jardim, como bromélias, samambaias, avencas, singônios, columéias, petúnias, orquídeas, monsteras,moréias, lirios e chifre de veado.

O importante nesse estilo é sempre se atentar a iluminação e a intensidade do sol, para escolher a espécie adequada.

OUTRAS DICAS

Jardim

Monte o seu jardim

Antes de iniciar o plantio, você precisa se atentar a alguns itens que vão garantir a saúde das plantas e a beleza do seu jardim.

Jardim

Jardim com Árvores

É possível ter e manter uma bela árvore em casa, mesmo que o espaço seja pequeno. Para isso, você só precisa fazer um planejamento antes de

Jardim

Jardim com Crianças

Crie um clima alegre no seu jardim com peças criativas para atrair as crianças. Os pequenos são curiosos e é na infância que precisam aprender

Rolar para cima